Sexta-feira, 29 de Abril de 2011

és

és para mim, como o Sol
que me aquece a alma
mas não posso tocar.

és como o vento,
que me acaricia o rosto
mas desliza-me das mãos
sem te poder agarrar.

és como a chuva,
que me provoca arrepio
mas quando toca em meu corpo
não tenho frio.

és como o mar,
que quando me envolve
me desperta sensações,
mas, por breves ilusões.

és para mim, como as estrelas,
que iluminam o mundo
numa noite de luar,
iluminas a minha vida,
fazes-me acreditar.

és como a lua
que ouve os meus suspiros e lamentos
mas tudo isto são meus pensamentos.

és como milhões de coisas,
que me levam ao infinito
e me fazem acreditar
que o nosso amor pode (ainda) ser bonito.

escrito por carlos henriques às 09:00

link do post | comentar
1 comentário:
De MIGUXA a 7 de Maio de 2011 às 20:56
Carlos,

Meu amigo,

Lindo!!!
Amei!!!

Beijo
Margarida

Comentar post

sentimentos sentidos

o autor

arquivos

Maio 2015

Fevereiro 2014

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011