Sexta-feira, 8 de Julho de 2011

já sou capaz

hoje um cheiro fez-me lembrar
daquilo que já não me lembrava
aquela fase da minha vida
apenas quando muito te amava.

fez-me lembrar que já nem sei
o que me trouxe até aqui
continuo na minha estrada
agora sem pensar em ti.

gritos mudos do coração
dias sem rumo, sem abrigo
feridas que sararam sozinhas
por não permaneceres comigo.

não tento explicar o inexplicável
nem tão pouco a tua ida
sei que foi tudo tão rápido
que me fez sentir sem vida.

vivo agora, olho em frente
sinto até que já sou capaz
penso que depois disto
não voltarei olhar para trás

escrito por carlos henriques às 22:00

link do post | comentar
sentimentos sentidos

o autor

arquivos

Maio 2015

Fevereiro 2014

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011